Os escritores Oplepianos

13 de setembro de 2009 às 20:10 | Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário
Tags: , , , , , , , , , , , ,

GruppoOplepo 4

Paolo AlbaniEscritor e poeta visual, dirige a nova série de Tèchne, revista de excentricidade literária ou não. Entre suas publicações: Words in progress (Campanotto 1992); Aga Magéra difúra. Dizionario delle lingue immaginarie (Zanichelli 1994; Les Belles Lettres 2000); Forse Queneau. Enciclopedia delle Scienze Anomale (Zanichelli 1999), Il corteggiatore e altri racconti (Campanotto 2000), Mirabiblia. Catalogo ragionato di libri introvabili (Zanichelli 2003), Il sosia laterale e altre recensioni (Edizioni Sylvestre Bonnard 2003), La governante di Jevons. Storie di precursori dimenticati (Campanotto 2007). No livro Le cerniere del colonnello- Antologia di scritti dell’Istituto di Protesi Letteraria (Ponte alle Grazie 1991), recolheu textos pré-olipianos publicados na revista “il Caffè”. Para a “Biblioteca Oplepiana”, escreveu Geometriche visioni, O alfabeto redesenhado (1996), Rose osé, Cartas roubadas (1998), Fantasmagorie, Palavras em branco (2001).

Paolo Albani

Raffaele AragonaEngenheiro, ensinou Técnicas de Construção na Faculdade de Arquitetura de Nápoles. Se interessa por enigmas há muitos anos. Jornalista, escreve sobre enigmas e ludolinguística no Il Mattino. Membro fundador do OPLEPO, é responsábel pelo “Premio Capri dell’Enigma“, no âmbito do qual reuniu obras de especialistas em caráter interdisciplinar. As edições mais recentes do prêmio foram: Il fascino indiscreto dell’omonimia (1994), Attenti alla Sfinge! (1996), Le vertigini del labirinto (1998). É’ autor de Una voce poco fa -Repertório de vocábulos homônimos da língua italiana (Zanichelli, 1994). Na “Biblioteca Oplepiana” (1994), publicoi La viola del bardo, Pequeno “Homonimário” Ilustrado. Organizou a antologia Antichi indovinelli napoletani (Tommaso Marotta Editore, 1992) e o volume Enigmatica: Per una poietica ludica (ESI – Edizioni Scientifiche Italiane, 1996) e mais recentemente Le vertigini del labirinto (Edizioni Scientifiche Italiane, 2000), Capri à contrainte (Edizioni La Conchiglia, 2000), La regola è questa (Edizioni Scientifiche Italiane, 2002), Oplepiana. Dizionario di Letteratura Potenziale (Zanichelli, 2002) e Italo Calvino. Percorsi potenziali (Manni, 2008).

Raffaele Aragona

Domenico D’Oria – Professor de Língua e literatura francesa na Universidade de Bari, é entusiasta de exercícios oulipianos. É estudioso dos problemas de ideologia nos dicionários e dos problemas teóricos e práticas na tradução. Dedicou muita atenção aos Jeux de mots de François Georges Maréschal, marquesa de Bièvre. Secretário do ‘OPLEPO, dirige a ‘Associação Cultural Ítalo Francesa Alliance Française de Bari.

domenico

Brunella EruliProfessora de Literatura francesa na ‘Universidade de Siena, interessada nos problemas da arte contemporânea e de vanguarda, publicou, entre vários ensaios dedicados à literatura francesa, Jarry, i mostri dell’immagine (Pacini, 1982), Percorsi dell’avanguardia (Pacini, 1992). Organizou a edição dos volumes Attenzione al potenziale! – Il gioco della letteratura (Marco Nardi editore, Firenze, 1994) e do L’obiettivo e la parola (Slatkine-ETS, Genève-Pisa, 1996). Autora de vários artigos sobre teatro, é redatora-chefe de “Puck, la marionette et les autres arts”, a revista internacional do teatro figurativo. Faz parte do conselho de redação da “Rivista di letterature moderne e comparate”.

bru


Elena Addòmine – a technology management entrepreneur – is actively engaged in experimental organizational, linguistic and musical structures. Through her Company (INSOL Consulting) she provides strategies for technology innovation; with Oplepo (Opificio di Letteratura Potenziale, Workshop of Potential Literature) she has published new literary structures such as: homographic translations (“Forme for me”, Biblioteca Oplepiana n° 7, 1994), acrostic variations, Corona sonnets, short stories à contraintes, and literary hemiolas. Portions of her literary work had been published by Zanichelli (“La Biblioteca Oplepiana”, 2005) and by Drunken Boat, an online literary journal of the arts (drunkenboat.com). She lives and works in New York City.

Anúncios

Deixe um comentário »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: